Para o vestibular 2018, há alteração na lista de obras literárias

Obras exigidas no vestibular Fuvest 2018 – Fotomontagem: Divulgação

Os candidatos que prestarão a Fuvest em 2018 devem ficar atentos à lista de obras de leitura obrigatória. Houve uma mudança em relação à lista do vestibular passado, com a inclusão de “Minha vida de menina”, da autora Helena Morley.

O livro é o diário de uma garota que vive na cidade de Diamantina, em Minas Gerais, no final do século 19. Ele revela, a partir dos relatos espontâneos do seu dia a dia da adolescente, o momento histórico brasileiro da época. A obra substitui Capitães da areia, de Jorge Amado.

A alteração já estava prevista desde 2016, quando o Conselho de Graduação da USP aprovou a lista de obras de leitura obrigatória para os vestibulares Fuvest 2017, 2018 e 2019.

Confira a relação completa das obras literárias de leitura obrigatória para a Fuvest 2018:

• Iracema – José de Alencar
• Memórias póstumas de Brás Cubas – Machado de Assis
• O cortiço – Aluísio Azevedo
• A cidade e as serras – Eça de Queirós
• Vidas secas – Graciliano Ramos
• Minha vida de menina – Helena Morley
• Claro enigma – Carlos Drummond de Andrade
• Sagarana – João Guimarães Rosa
• Mayombe – Pepetela

Redação Author